Mapa do Site
Contactos
Siga-nos no Facebook Siga-nos no Twitter Canal YouTube
Centro de Astrofísica da Universidade do Porto
Towards precise and accurate exoplanet mass determinations: HARPS-N observes the Sun

Raphaëlle D. Haywood
Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics

Resumo
The HARPS-N spectrograph is now operating with a new solar telescope feed since July 2015. I will present early results from the first 11 months of HARPS-N observations of the Sun as a star, with a particular focus on our investigations aimed at understanding radial-velocity variations induced by the Sun’s surface activity (sunspots, faculae/plage, granulation).
This solar dataset is also key to improving our wavelength calibration and data reduction techniques, and to designing more efficient observing strategies for the stars targeted by HARPS-N at nighttime.

25 maio 2016, 13:30

Centro de Astrofísica
Rua das Estrelas
4150-762 Porto

Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço

O Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço é (IA) é uma nova, mas muito aguardada, estrutura de investigação com uma dimensão nacional. Ele concretiza uma visão ousada, mas realizável para o desenvolvimento da Astronomia, Astrofísica e Ciências Espaciais em Portugal, aproveitando ao máximo e realizando plenamente o potencial criado pela participação nacional na Agência Espacial Europeia (ESA) e no Observatório Europeu do Sul (ESO). O IA é o resultado da fusão entre as duas unidades de investigação mais proeminentes no campo em Portugal: o Centro de Astrofísica da Universidade do Porto (CAUP) e o Centro de Astronomia e Astrofísica da Universidade de Lisboa (CAAUL). Atualmente, engloba mais de dois terços de todos os investigadores ativos em Ciências Espaciais em Portugal, e é responsável por uma fração ainda maior da produtividade nacional em revistas internacionais ISI na área de Ciências Espaciais. Esta é a área científica com maior fator de impacto relativo (1,65 vezes acima da média internacional) e o campo com o maior número médio de citações por artigo para Portugal.

Continuar no sítio do CAUP|Seguir para o sítio do IA